Header

Fraudes no seguro-desemprego atingem benefícios no litoral doParaná

O Paraná teve 586 requerimentos bloqueados pelo Ministério do Trabalho desde a entrada em operação do sistema de Detecção e Prevenção à Fraude no Seguro-Desemprego (Antifraude), em dezembro de 2016. Até abril de 2018, as fraudes bloqueadas chegaram a R$ 3,5 milhões.

A maior parte das irregularidades foi registrada em Castro, na região dos Campos Gerais do Paraná. Houve bloqueio de 245 fraudes no município, totalizando R$ 1,6 milhão, conforme o ministério. Os dados foram divulgados na noite de terça-feira (8).

Três cidades do Litoral também tiveram o benefício bloqueado. Foram nove casos em Paranaguá, com um total de quase R$ 61 mil bloqueados. Em Antonina houve três bloqueios, com um total de R$ 24 mil, e em Guaratuba foi constatada uma situação, com pouco mais de R$ 7 mil bloqueado

0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1