Header

Guaratuba faz balanço do maior Carnaval

A chuva que caiu na segunda-feira (12) não ofuscou o brilho do maior carnaval do litoral do Paraná que, segundo estimativas, reuniu cerca de 01 milhão de pessoas nas três noites de folia.

Os festejos de carnaval na Avenida 29 de Abril começaram no sábado (10) com o cortejo Afoxé, concurso de blocos carnavalescos, desfile da Escola de Samba Unidos de Guaratuba e trios elétricos. Na segunda-feira foi o dia do Carnaval das Crianças, da premiação do concurso de blocos e da esperada Banda de Guaratuba.

Foliões elogiaram muito a organização do carnaval da cidade quanto à segurança, limpeza e atendimento de saúde. Já os empresários ficaram satisfeitos com o movimento da economia proporcionado pelo evento em uma temporada curta e sujeita a intempéries do tempo.

Saúde

Atendendo os foliões que se excederam no consumo de álcool, ou que se sentiram mal durante a folia, a Prefeitura instalou um posto avançado de urgência na rua Guilherme Pequeno, a poucos metros da Avenida 29 de Abril.

Durante o Carnaval, a equipe de médicos e enfermeiros realizou 42 atendimentos. Destes, somente dois demandaram cuidados do Pronto Socorro.

Além dos atendimentos feitos exclusivamente na hora da festa, a vigilância epidemiológica fez ações de distribuição de preservativos em motéis, no ferry boat, orla marítima e também no sábado de carnaval distribuindo kits contendo máscaras, preservativos e materiais informativos para os turistas.

 Segurança

Neste ano, o carnaval contou com um forte esquema de policiamento, com efetivo de mais de 300 (trezentos) agentes de segurança por noite, entre policiais militares e seguranças particulares. Além da PM e dos seguranças, a Prefeitura disponibilizou o sistema de câmeras que monitora toda a cidade.

Limpeza

O cuidado que a Prefeitura teve em relação à limpeza recebeu muitos elogios da população. Depois de todas as noites de festa, uma equipe da empresa Transresíduos lavou a Avenida 29 de Abril. Durante a folia, funcionários coletaram garrafas de vidro, que estavam proibidas por motivos de segurança. Por toda cidade, do dia 10 até o dia 13 de fevereiro, foram recolhidas 507 toneladas de lixo.

 Trios Elétricos

Através de edital publicado no Diário Oficial, qualquer empresa do Brasil poderia participar da cota de patrocínio para o Carnaval. Sendo assim, a Prefeitura não teve custos com os trios elétricos no Carnaval.  Dos 04 lotes de trios elétricos, em apenas 02 houve interessados. A empresa que adquiriu as 02 cotas de trios conseguiu junto à Copel Telecom e à Sanepar a viabilização de patrocínio, sem nenhum custo para o Município.

 Camarotes

A Prefeitura publicou edital de captação de patrocínio para estruturação do Camarote Oficial. Qualquer empresa do Brasil poderia buscar patrocínio ou bancar com verbas próprias as despesas com a montagem, decoração e estruturação do Camarote Oficial.

Em contrapartida, a empresa pode explorar parte do borderô do Camarote e explorar a venda de bebidas em 10 pontos da avenida. Apenas uma empresa se habilitou nesta cota de patrocínio.

Também foram autorizados, por meio de Chamamento Público publicado no Diário Oficial, a exploração de camarotes ao longo da Avenida 29 de Abril e tendas de alimentação. Do Chamamento Público dos camarotes, três foram credenciados como comerciais e dois privativos. Pagando todos os custos com montagem, os camarotes deram retorno de R$ 3.000,00 (três mil reais) que foi destinado ao Fundo Municipal de Turismo.

 Camisetas da Banda de Guaratuba

A Prefeitura de Guaratuba comprou mediante processo de licitação pública e comercializou 5.305 (cinco mil, trezentas e cinco) camisetas da Banda de Guaratuba. Referidas camisetas foram vendidas para empresas e em diversos pontos de vendas, obtendo um lucro de R$ 27.500,00 (vinte e sete mil e quinhentos reais). As camisetas que foram entregues pela empresa de confecção fora do prazo legal do contrato e estavam armazenadas na Secretaria de Segurança serão devolvidas à empresa, sem nenhum custo ao Município.

1