Header

Homem abastece carro com dinheiro falso, mas acaba preso pouco tempo depois em Guaratuba

 

Um homem acabou detido na tarde deste sábado (20/01) ao ser flagrado tentando passar notas de dinheiro falsas num posto de combustível em Guaratuba (PR). O frentista percebeu a atitude do suspeito acionou a as equipes da Polícia Militar que atuam em reforço durante o Verão Paraná 2017/2018. Ao todo foram apreendidos R$ 400,00 em notas de 50.

De acordo com as informações repassadas pelo Comandante de Policiamento de Unidade (CPU) do dia, tenente Rafael Lemos Pacheco, os policiais militares passavam pela Avenida Damião Botelho de Souza quando foram abordados pelo frentista do posto de combustível relatando que um homem tinha acabado de abastecer um Citroën C3, de cor preta, e pago com dinheiro falso.

Logo em seguida os policiais militares fizeram buscas e conseguiram encontrar o suspeito. Durante a revista pessoal havia mais notas falsas e ele acabou encaminhado à delegacia. Lá, contabilizou-se R$ 400,00 que poderiam ser distribuídas no comércio.

Este é o terceiro caso de notas falsas no Litoral do estado durante o Verão Paraná 2017/2018. Em Antonina foram aproximadamente R$ 1 mil retirados de circulação em uma abordagem em dezembro de 2017. Na ocasião duas pessoas foram presas.

ORINTAÇÕES – As pessoas devem atentar-se principalmente quanto às notas de maior valor, geralmente as que são mais falsificadas. Observar detalhes como a marca d’água, tipo de papel, cor, relevos e outros elementos podem ajudar a identificar o material falso. Se o cidadão suspeitar da tentativa de golpe, deve imediatamente acionar a Polícia Militar para que faça a averiguação necessária.

Além de estar disponível pelos telefones de emergência, a Polícia Militar reforçou o policiamento ostensivo preventivo fardado nas áreas comerciais dos sete municípios litorâneos, locais que possuem incidência acentuada desse tipo de contravenção penal.

É importante que a comunidade denuncie casos de repasse de dinheiro falso para que o golpista seja localizado e seja encaminhado ao órgão competente.

Cleomar diesel c/ Verão Paraná

1