Header

O Paraná tem as praias mais limpas do Brasil,

 

 

Um levantamento realizado pela Jornal Folha  de São Paulo aponta que 70% das praias do Brasil seriam impróprias para o banho.

Estes dados contrastam  totalmente com as informações que já a alguns anos são divulgados sobre a balneabilidade das Praias do Paraná, que chegam a ter um índice de 85 % de porcentagem próprias para o banho.

A Folha cita Salvador e suas 37 praias, 26 são consideradas ruins ou péssimas para o banho. Ainda de acordo com a folha a situação da capital baiana reflete o cenário de outras grandes cidades litorâneas: sete em cada dez praias poluídas no país estão em cidades com mais de 100 mil habitantes.

O levantamento aponta ainda Santa Catarina onde ligações de esgoto clandestinas e crescimento desordenado das cidades como principal problema.

O enfrentamento requer investimento pesado em saneamento, que teve cortes orçamentários por causa da crise.

Em comparação com o ano passado, o resultado é um cenário de estagnação da qualidade das praias neste ano.

A classificação anual das praias, baseada nos níveis semanais ou mensais de coliformes, porém, trata-se de uma média.

Instituto Ambiental do Paraná (IAP) começou a monitorar as águas do litoral do estado para a divulgação dos boletins de balneabilidade da temporada de verão 2017/2018. O primeiro boletim vai foi divulgado no dia 22 de dezembrmais de 70% dos pontos estão aptos para o banho.

São 49 pontos de monitoramento no litoral: 13 em Guaratuba, 14 em Matinhos, 11 em Pontal do Paraná, seis na Ilha do Mel, três em Morretes e dois em Antonina.

Cleomar Diesel.

1