Início Semana Nacional do Trânsito

Bombeiros e SAMU de Guaratuba já atenderam 190 acidentes de trânsito em 2019

As ocorrências foram registradas entre 1º de janeiro e 17 de setembro

Corpo de Bombeiros em atendimento na Avenida José Nicolau Abagge

Quando a viatura vermelha, com suas barulhentas sirenes, passa pelas ruas de Guaratuba, curiosos olhares se voltam ao veículo para tentar identificar o destino do mesmo. Integrantes de grupos de Whatsapp, com informações da cidade, ficam fervorosos em busca de respostas. Em certo momento, algum número com DDD 41 manda uma fotografia de baixa qualidade dizendo: “Auto x Moto na Paraná”. Essa ocorrência pode ser uma das 190 registradas pelo Corpo de Bombeiros e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) entre os dia 1º de janeiro e 17 de setembro de 2019.

SAMU em atendimento na Avenida José Nicolau Abagge

O primeiro acidente registrado pelo Corpo de Bombeiros, em 2019, foi logo na madrugada do dia 1º de janeiro, um atropelamento na rua Nossa Senhora de Lourdes, em frente ao Colégio 29 de Abril. Somente no primeiro mês do ano foram 19 ocorrências. Os outros 8 meses também tiveram registros.

O bairro de Guaratuba com maior número de acidentes é o Centro, com 42 registros. Cohapar (17), Piçarras (15) e Coroados (13) aparecem logo em seguida no balanço. Vila Esperança (10), Brejatuba (9), Nereidas (6), Eliane (6) e Carvoeiro (5) também registraram acidentes. Mirim, Caieiras, Canela, Cubatão e Figueira, todos com duas ocorrências, completam a lista do Corpo de Bombeiros.

A Avenida Paraná teve 29 (36 se contarmos as registradas como PR- 412) acidentes atendidos pelos bombeiros neste ano. As avenidas Ponta Grossa (11) e José Nicolau Abagge (10) completam o “pódio”.

Mapa de calor das ocorrências do Corpo de Bombeiros

A soldado Rudinéia, do Corpo de Bombeiros, conta que o atendimento nas ocorrências de trânsito é muito complicado. Dependo do grau do acidente, um grande efetivo é deslocado ao local. Ainda, segundo ela, por se tratar de uma cidade de menor porte, o acidentado pode ser um conhecido do socorrista, o que mexe bastante com os profissionais.

O grande motivador nos acidentes é o erro humano, como afirmam especialistas. O diretor geral da Auto Escola Litoral da Auto Escola Litoral e pós-graduado em educação no trânsito, Fabiano Munhoz, conta que o principal fator dos acidentes é a falta de conhecimento no trânsito. Imprudência e excesso de velocidade também são fatores considerados.

Semana Nacional do Trânsito

A Semana Nacional de Trânsito, prevista pelo Código de Trânsito Brasileiro, é comemorada anualmente entre os dias 18 e 25 de setembro. Todos os órgãos que compõe o Sistema Nacional de Trânsito são convocados a participar de ações que mobilizem a sociedade. O tema definido, pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), para o ano de 2019 é “NO TRÂNSITO, O SENTIDO É A VIDA”.

A ideia é envolver diretamente a sociedade nas ações e propor uma reflexão sobre uma nova forma de encarar a mobilidade. Trata-se de um estímulo a todos os condutores, seja de caminhões, ônibus, vans, automóveis, motocicletas ou bicicletas, e aos pedestres e passageiros, a optarem por um trânsito mais seguro.