Início Colunistas Álvaro Dias pode ser o próximo presidente do Brasil

Álvaro Dias pode ser o próximo presidente do Brasil

2306

Com baixa rejeição e distante da Lava Jato, o senador Álvaro Dias desponta como opção ao Palácio do Planalto e acirra a disputa pelos votos do espectro político de centro.

A três meses das eleições, o senador Álvaro Dias (PODE-PR) pode embolar o meio-campo da corrida presidencial. Ao emergir como um dos candidatos a presidente da República com relevante potencial de crescimento, Dias tem seduzido fatia do eleitorado que busca uma alternativa à polarização e ao extremismo de direita e esquerda.

Álvaro Dias varia entre 4% e 7% das intenções de voto de acordo com os diferentes cenários avaliados em várias pesquisas. Nos estados do Sul, porém, ele alcança expressivos 20%. Além disso, o senador tem os menores índices de rejeição entre todos os pré-candidatos à Presidência: 13%. É justamente na baixa rejeição que Dias deve apostar suas fichas para conquistar os eleitores.

É o que nos mostra a última pesquisa do Ibope Inteligência sobre as eleições presidenciais realizada a pedido da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostrando que 41% dos eleitores não mencionam nenhum candidato na pergunta estimulada, quando o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não consta na lista de candidatos.

É importante avaliar separadamente os eleitores que declaram que, se a eleição fosse hoje, votariam em branco/nulo (33%) dos que dizem que ainda não sabem em quem votar (8%). Em 2014, eram 13% e 8%, respectivamente, ou seja, o número de indecisos permanece o mesmo, mas o dos que declaram intenção de votar branco ou nulo aumenta significativamente.

Este fator é reforçado em outro levantamento do Paraná Pesquisas que indica que ao menos 49,6% não votam em Bolsonaro, e 61,2% não votariam em candidato de Lula.

Cientistas políticos apontam a candidatura de Álvaro Dias como a que vai convergir os votos da Direita e da Esquerda numa eventual eleição sem Lula. Os eleitores da Esquerda temendo a possibilidade de Bolsonaro ganhar no primeiro turno votariam em Dias como um voto útil. Os eleitores que durante muito tempo votaram em candidatos tucanos se desencantaram com os escândalos envolvendo Aécio, Serra e Alckmin. Estes eleitores tendem a direcionar seus votos para a candidatura de Álvaro Dias. Com isso, cerca de 30% do eleitorado o levaria para o segundo turno e o elegeria o novo presidente do Brasil. Um representante com experiência política, sem extremismos .

O grande desafio de Álvaro Dias é fortalecer seu nome para além da região Sul, onde já é bastante conhecido e conta com um público cativo. Dias é conhecido por ser um dos políticos mais atuantes nas redes sociais e se conseguir permanecer e mostrar de fato ser uma opção real, até a votação de outubro, pode ser o Presidente da República.

Cleomar Diesel