Início Esportes Atlético empata na primeira partida da decisão da Sul-Americana

Atlético empata na primeira partida da decisão da Sul-Americana

22

O Atlético-PR conseguiu um bom resultado na partida de ida da decisão da Sul-Americana, contra o Junior Barranquila-COL, se levarmos em conta as circunstâncias do jogo. O time da casa perdeu um pênalti no segundo tempo e o rubro-negro teve seu artilheiro (Pablo) substituído por lesão na panturrilha.

A partida de volta será na próxima quarta-feira (12), na Arena da Baixada, em Curitiba. O jogo terá incio às 21h45.

PRIMEIRO TEMPO

O Atlético suportou bem a pressão do time colombiano, mas mostrou dificuldades para tocar a bola rumo ao ataque. Tampouco conseguiu fazer marcação no campo do adversário. Em vez disso, apostou nos passes longos e lançamentos, que não davam certo. A marcação colombiana tomava todas as bolas. Consequentemente, o time paranaense mal passava do meio-de-campo; levou 35 minutos para ter um escanteio a seu favor (foi o único) e não conseguiu uma única finalização. O Junior, por outro lado, também não levou perigo em praticamente nenhum lance.

SEGUNDO TEMPO

A chance que o Atlético não criou na primeira etapa surgiu logo no início da etapa final. Primeiro, Leo Pereira cabeceou com perigo, por cima. Aos 5 minutos, Nikão arrancou com a bola e serviu para Pablo marcar 1 a 0. Mas, três minutos depois, ‘Speedy’ Gonzalez empatou. E a partida voltou ao que era antes: pressão do Junior e o Atlético acuado.

Aos 15 minutos, o técnico Tiago Nunes perdeu o atacante Pablo, que sentiu uma lesão na panturrilha direita. Rony entrou como meia-ponta pelo lado esquerdo, Nikão foi para o lado direito e Marcel Cirino ficou como atacante centralizado. O jogo ficou mais movimentado. E o Atlético escapou de levar o segundo gol aos 26 minutos, depois que Rony fez pênalti em Gutierrez; Perez mandou uma bomba e acertou o no travessão.

Pouco depois do pênalti perdido, Nunes reforçou a marcação, trocando o meia Raphael Veiga pelo volante Wellington. O time ficou num 4-3-2-1. Aos 41 minutos, Marcinho substituiu Lucho Gonzalez, com o time voltando ao 4-2-3-1. E o Atlético conseguiu segurar o placar até o fim, graças a duas ações do goleiro Santos.

COPA SUL-AMERICANA
Final – Ida

Junior Barranquilla 1×1 Atlético

Junior Barranquilla
Sebastián Viera; Marlon Piedrahita, Jefferson Gómez, Rafael Pérez, Germán Gutiérrez; Luis Narváez  (Hernandez), James Sánchez (Moreno), Víctor Cantillo e Jarlan Barrera; Luis Díaz e Yony González (Luis Ruiz).
Técnico: Julio Comesaña

Atlético
Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Lucho González (Marcinho), Bruno Guimarães e Raphael Veiga (Welllington); Marcelo Cirino, Nikão e Pablo (Rony).
Técnico: Tiago Nunes

Local: Estádio Roberto Meléndez (Barranquilla – Colômbia)
Árbitro: Diego Haro (Fifa-PER)
Assistentes: Jonny Bossio (Fifa-PER) e Victor Raez (Fifa-PER)
Gols: Pablo, 5, Yoni González, 7 do 2º
Cartões amarelos: Léo Pereira, Bruno Guimarães e Thiago Heleno (CAP); Rafael Pérez (JUN)
Público pagante: 33.795
Público total: 38094
Renda: R$ 1.942.395,60