Início Esportes Edison Brittes, assassino confesso do jogador Daniel, diz que mentiu para proteger...

Edison Brittes, assassino confesso do jogador Daniel, diz que mentiu para proteger filho de político

298

Edison Brittes, suspeito de assassinar Daniel Corrêa, afirmou em depoimento na última quarta-feira (7) que mentiu sobre a autoria do crime para proteger o filho de um político paranaense e os que testemunharam o caso.

De acordo com Edison, também conhecido como Juninho, o filho de um casal de políticos paranaenses estava na casa e foi o responsável por dar socos e pontapés em Daniel, além de ter quebrado o celular do atleta. O irmão gêmeo não participou das agressões, segundo o depoimento.

O delegado que comanda o caso diz que outros quatro rapazes, todos na faixa dos 20 anos, teriam agredido Daniel e que já foram identificados pela polícia. Após o crime, Edison Brittes se reuniu com todos eles em um shopping para combinar uma versão em que assumiria a responsabilidade pelo crime.

Na última terça-feira (7), o delegado ainda afirmou que Edison estaria mentindo sobre o caso de estupro citado como justificativa pelo crime, assim como a esposa Cristiana e a filha Allana. Os três estão presos preventivamente.

Mais dois suspeitos são presos

Ygor King, de 19 anos, e David Willian da Silva, de 18 anos, se apresentaram à Polícia Civil de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, às 10h30 desta quinta-feira (8). Os dois são suspeitos de participar do espancamento e da morte do jogador Daniel Correa Freitas.

A 11ª Vara Criminal de São José dos Pinhais expediu nesta quarta-feira (7) mandados de prisão temporária de 30 dias contra três suspeitos, Ygor, David e Eduardo Henrique da Silva, de 19 anos. Eduardo, que é primo de Cristiana Brittes, foi preso nesta quarta-feira (7) em Foz do Iguaçu, no oeste do estado.

Segundo a polícia, os três suspeitos teriam ajudado o empresário Edison Brittes Júnior na agressão a Daniel na festa que aconteceu na casa da família Brittes no dia 27 de outubro e na morte do jogador.