Início Esportes

Marco Ruben marca em despedida e Athletico Paranaense vence Santos

Em uma noite cheia de despedidas, Marco Ruben deu adeus ao torcedor do Athletico Paranaense com o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Santos, na noite desta quarta-feira (4), no último jogo da equipe na Arena da Baixada pelo Campeonato Brasileiro.

Além de Marcos Ruben, Marcelo Cirino e Bruno Guimarães também se despediram da torcida do Athletico Paranaenses. Enquanto o volante foi vendido por 30 milhões de euros para o Atlético de Madri, Cirino irá ficar sem contrato ao final do ano e está livre para assinar com qualquer clube.

O Santos também pode estar perto do adeus de duas peças importantes na boa campanha da temporada. O zagueiro Gustavo Henrique ainda não aceitou proposta de renovação e já pode assinar com outro clube. Já o técnico Jorge Sampaoli está sendo sondado pelo Palmeiras e pelo Racing-ARG e mesmo com contrato com a equipe santista até o final de 2020, tem demonstrado insatisfação com a instabilidade política no clube.

VITÓRIA VALE RETORNO AO G-4 PARA O FURACÃO

Mesmo já garantido na próxima edição da Copa Libertadores da América, a vitória recolocou o Athletico Paranaense na quarta posição. A equipe está com 63 pontos, um acima do Grêmio, que entra em campo nesta quinta-feira (5), contra o Cruzeiro em Porto Alegre.

Já o Santos permanece com 71 pontos, mas não pode ser ultrapassado pelo Palmeiras nesta rodada. Isso porque a equipe alviverde tem 19 rodadas, contra 21 dos santistas.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes encerram sua participação no Campeonato Brasileiro neste domingo (8), às 16h.

A despedida do Athletico Paranaense na temporada será em Florianópolis, contra o Avaí, na Ressacada.

Já o Santos encerra a temporada com seus torcedores na Vila Belmiro, tendo como adversário o campeão nacional Flamengo.

O JOGO

A primeira chance de gol foi do Santos aos oito minutos. Jean Mota rouba bola no ataque e lança Soteldo, que cruza rasteiro para Evandro. O meia pega de primeira e a bola passa perto do poste esquerdo.

Nova chance dos santistas aos 16 minutos. Carlos Sánchez cobrou escanteio na entrada da área e Soteldo pega de primeira para boa defesa de Santos.

O Santos seguiu na pressão e teve boa chance aos 37 minutos. Diego Pituca recebeu na intermediária e soltou a bomba perto do travessão.

Outra chance perdida pelos santistas aos 41 minutos. Após lançamento de Eduardo Sasha, Santos se antecipa de Soteldo e faz o corte, mas a bola caiu com Jean Mota, que mirou o canto direito e a finalização passou perto do poste.

A última chance do primeiro tempo também foi da equipe alvinegra. Jean Mota novamente buscou a velocidade de Soteldo, que fintou Thiago Heleno e rolou para Eduardo Sasha. O atacante finalizou cruzado, mas Santos fez boa defesa.

Só que no primeiro minuto do segundo tempo, quem marcou foi o Athletico Paranaense. Rony avançou pela direita e cruzou na cabeça de Marco Ruben. O atacante escorou firme e venceu Everson para balançar as redes.

A resposta do Santos foi aos cinco minutos. Soteldo cruzou no segundo poste e Marinho escorou firme, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.

O Santos ficou com dez em campo aos 22 minutos. Após falta em Rony para parar o contra-ataque, Luan Peres recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso.