Início Litoral

Tartaruga-verde é encontrada morta em Matinhos

Uma tartaruga-verde foi encontrada morta no Balneário Flórida, em Matinhos, no litoral do Paraná, no sábado (13). Um banhista registrou imagens do animal na areia.

Segundo a bióloga Camila Domit, coordenadora do Laboratório de Ecologia e Conservação do Centro de Estudos do Mar (CEM) da Universidade Federal do Paraná (UFPR), trata-se de uma tartaruga-verde juvenil.

A especialista conta que, no inverno, aumenta a mortalidade de tartarugas na região, por diversos fatores, entre eles, a pesca de peixes como a tainha e o linguado.

“Em nosso litoral há uma agregação de vários animais que migram nesta época do ano, até por conta do frio nas regiões mais ao sul, por exemplo, no Uruguai e na Argentina (…) o fato de termos mais tartarugas na região e também o fato de ser um período que há muita pescaria”, disse a bióloga.

Segundo a bióloga, é importante analisar todos os fatores que influenciam casos como esse. De acordo com ela, a pesca de arrastão, ao capturar, arrasta os animais ainda vivos para a praia, e é necessário que os pescadores ajudem a devolvê-los.

“A questão é qual é o comportamento do pescador depois de capturar a tartaruga. Se ele tem o comportamento de tentar salvar a tartaruga, retira da rede, deixa ela numa posição de 45 graus para que toda a água que ela engoliu saia e depois devolva esse animal na praia, está tudo bem. O animal vai ser capturado mas não vai ter a mortalidade”, ressalta.